domingo, 12 de julho de 2009

Ilusão....

O coração palpita no peito,a razão grita a todo pulmão que
isso tem que parar,mas o coração faz com que o corpo flutue
em direção a ele e beba sofregamente cada palavra de carinho
que sai de sua boca.
As noites passam mansas e suaves quando se falam,quando fazem
planos para o futuro,quando ele em sussurros confessa a saudade.
No fundo ela sabe que pode ser somente ilusão,sabe que não tem um futuro,
não um futuro juntos mas...como é delicioso ouvir,como é bom sentir
um friozinho na barriga,ficar esperando o momento de se falarem,
de matarem a saudade.Como é bom ouvir de um homem que ele a protegerá,
fechar os olhos e se ver deitada e protegida nos braços do ser amado,esperar
pelo dia de encontrá-lo se jogar nos seus braços e ser amada.
Pare...pare-grita a razão-ele não te ama, ele só está atraído, mas não te ama.
Ela pára,escuta,hesita mas...é bom...é tão bom...
Como queria poder acreditar de verdade nas palavras sussurradas em seu ouvido,
como queria acreditar que esse amor é verdadeiro,na realidade mais do que
acreditar ela gostaria que ele provase esse amor que jogasse tudo para o
alto e viesse buscá-la...tudo que deseja é se lançar nesse romance,mas
o pouco de razão que ela tem a impede,tenta a todo custa deixá-la com os
pés bem plantados no chão, a pergunta é, até quando???

3 comentários:

disse...

é difícil manter os pés no chão, eu continuo tentando isso todos os dias!

Jaqueliny Euzébio disse...

E se fosse verdade e mesmo assim, ela hesitasse? Ela estaria perdendo a sua chance de viver um amor como se deve.

Beatriz disse...

como você mesma disse: é tão bom!
As coisas que remetem ao coração são complicadas, mas são deliciosas demais!
Belo post!